Acessibilidade 5 Alto contraste 6

  • ---
  • Máx: ?
  • Min: ?

  • ---
  • Máx: ?
  • Min: ?

Temporal: município levanta danos e define planos de recuperação

defesa civil Publicado em 17/02/2021 às 10:42 - Atualizado em 17/02/2021 às 11:02

Rua José Heidemann sofreu danos no pavimento em paver Baixar Imagem

A Prefeitura de Santa Rosa de Lima, juntamente com a Defesa Civil Municipal, atua no levantamento detalhado e na recuperação dos estragos causados pelas fortes chuvas que atingiram a cidade nos últimos dias. No último dia 11, quinta-feira, e no dia 14, domingo, os temporais provocaram quedas de barreira, destruíram pavimentos e deixaram moradores desalojados.

Na tarde de quinta-feira, dia 11, a chuva forte atingiu principalmente o Centro da cidade e comunidades adjacentes. Entre os estragos, a Rua José Heidemann teve boa parte do seu pavimento em paver danificado pela enxurrada. A via também teve afetado o seu sistema de drenagem e a base da pista. Ainda na mesma rua, duas casas foram interditadas por recomendação da Defesa Civil Regional. Em uma delas os moradores tiveram que ser realocados. A outra propriedade já estava desocupada.

“Com relação a estas duas casas e a Rua José Heidemann, estamos bem preocupados. Uma equipe da Defesa Civil Regional irá fazer uma análise geológica para saber se a base da rua não foi comprometida, até com risco de desabamento. A família moradora de uma das residências interditadas foi realocada temporariamente, até que o local esteja seguro”, destaca o Secretário Municipal de Administração, Finanças e Planejamento, Sebastião Vanderlinde, que responde também pela coordenação da Defesa Civil do município. Quedas de barreiras e outros desmoronamentos também foram registrados.

No domingo, o temporal foi registrado praticamente em todo o município. Quedas de barreiras, desmoronamentos e entupimentos de bueiros ocorreram em vários pontos, ocasionando em interdições parciais de estradas. Na via que dá acesso à localidade de Rio dos Índios, uma queda de barreira por pouco não atingiu uma casa. A equipe da prefeitura estuda agora qual o real risco que a propriedade corre para definir que providência tomar.

Também ocorreu a precipitação de granizo em algumas comunidades, especialmente no Rio do Meio. Nenhuma plantação chegou a ser afetada mais seriamente, porém, o salão do Centro do Comunitário de Rio do Meio teve o telhado destruído e precisará ser substituído.

“Tivemos danos bem sérios. A equipe da prefeitura está trabalhando para resolver estes transtornos, mas não se trata de algo rápido. É preciso ter um pouco de paciência para que tudo corra da forma mais adequada e segura. Principalmente com relação à Rua José Heidemann, onde, depois que fizermos os estudos sobre a situação, teremos, provavelmente, que realizar uma licitação, pois será necessário recuperar a base, o sistema de drenagem, para somente depois fazer a recuperação do paver”, solicita o secretário.

O prefeito de Santa Rosa de Lima, Salésio Wiemes, reforça o pedido aos moradores. “Pedimos a compreensão da população, pois os problemas causados pelas chuvas são numerosos. Dentro das possibilidades, faremos de forma adequada a recuperação das rodovias e das ruas da cidade”, afirma.


Galeria de Fotos

  • {{galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
  • {{galeriaMultimidia.length + galeriaImagens.length + galeriaVideos.length - 12}}
Fechar

Informações Relacionadas

Assuntos

Município de Santa Rosa de Lima
Rua Dez de Maio, 80 - Centro
CEP: 88763-000
CNPJ: 82.926.593/0001-86

Telefones:
(48) 3654-3000 Principal
(48) 3654-3000 Fax

GPM - Gerenciador de Portais Municipais
Sistema desenvolvido em parceria com a Federação Catarinense de Municípios - FECAM e integrado à RedeCIM - Rede Catarinense de Informações Municipais, com o apoio da AMUREL.